Efeito Fotovoltaico

By | 28/06/2013

O efeito fotovoltaico pode ser algumas vezes confundido com o efeito termoelétrico, mas na prática ele é bem diferente. O efeito fotovoltaico tem um funcionamento específico relacionado ao seu acionamento pela luz, que pode permitir diversas utilizações bem interessantes.

O que é o efeito fotovoltaico?

O efeito fotovoltaico é um efeito já muito conhecido por físicos de todo o mundo, pois foi “descoberto” por A. Becquerel em 1839. O efeito basicamente e superficialmente se trata de uma transformação da energia proveniente de uma fonte de luz, em energia elétrica, em um fenômeno com algumas semelhanças com o efeito termoelétrico, mas com diferenças marcantes e taxativas.

O efeito fotovoltaico é um efeito distinto que se divide didaticamente em três processos distintos: a absorção da luz pelo material escolhido, a transferência da energia absorvida   dos fótons para as cargas elétricas correspondentes,  e a posterior e consequente criação da corrente elétrica, que é a finalidade do processo induzido.

Efeito Fotovoltaico

Como acontece o efeito fotovoltaico?

No processo de absorção, a luz atravessa o material escolhido para que a energia seja canalizada, e diante da refração, reflexão e absorção da energia da luz, devemos ter ali um material que facilite a absorção como resultado prioritário.

Na segunda parte do processo, que é a transferência, os elétrons que estão no material semicondutor escolhido serão induzidos pela energia dos fótons e acabam se libertando do núcleo, gerando um fluxo de energia automático.

E para que a última fase se torne realidade, é necessário o estabelecimento de uma circuito elétrico, que possa oferecer uma condução para essas carga de elétrons que formarão a energia latente, e a consequente circulação na direção predicada dessa energia, para que finalmente possa ser utilizada para algum fim prático e útil.

Através da dopagem do semicondutor e a criação de um campo elétrico, é possível a separação das cargas positivas das cargas negativas, sendo constituída, então, a corrente elétrica, que é o ato final do experimento.

A fabricação dos módulos que levam à configuração do efeito fotovoltaico pode ser realizada com diferentes materiais e de diferentes formas, que alterarão significativamente o resultado final, sendo especialmente montados para efeitos específicos dentro do mesmo processo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *